sexta-feira, 3 de abril de 2015

Churrasqueira solar pode substituir lenha e carvão nos países em desenvolvimento

Extremamente tradicional no Brasil, principalmente na região Sul, o churrasco costuma ser uma ótima opção para reunir a família e os amigos, além de ser muito saboroso. 

churrasqueira-ecod.jpg

Entretanto, está longe de ser uma prática das mais ambientalmente corretas, até porque a queima do carvão e da lenha emitem uma série de gases poluentes na atmosfera, além do risco de contaminação decorrente do contato com a fumaça.

Depois de passar uma temporada na Nigéria, onde ainda se usa lenha para o cozimento dos alimentos, o professor do Massachusetts Institute of Tecnology (MIT), David Wilson, criou o Wilson Solar Grill que, não só pode cozinhar seus alimentos quando o sol está brilhando durante o dia, como também pode armazenar energia para que se possa cozinhar durante a noite.
churrasqueira-solar2.jpg

Isso é possível graças ao fato de a churrasqueira solar conseguir armazenar energia térmica para até 25 horas de uso, alcançando temperaturas de 230ºC.

O produto, que encontra-se em fase de desenvolvimento, poderá ajudar a solucionar esse problema tão comum no nosso dia a dia, principalmente nos países emergentes.


ECOD