sábado, 26 de janeiro de 2013

Cinco maneiras para o voluntariado incrementar sua carreira


Além de tornar o mundo melhor, ajudando a quem precisa, o voluntariado é uma boa maneira de incrementar sua carreira. Conhecer novas pessoas, praticar novas habilidades, "testar" empresas e ainda ser valorizado (a) por apoiar uma causa e desenvolver trabalhos específicos em prol dela pode fazer uma diferença e tanto no seu currículo.
happy.jpg
Foto: May Business School
 
E não dá nem para colar aquela velha desculpa de que "não tem tempo para encarar um serviço não-remunerado": atualmente, existem voluntariados de diversos perfis e cargas horárias, além de alguns que não exigem nem mesmo a presença física do voluntário.
Conheça cinco formas, listadas pelo site Good, para as quais ser voluntário pode ajudar a melhorar a sua carreira:
  • Expansão de redes pessoais e profissionais: ampliar a rede de contatos, o tal do “networking”, é sempre bom para descobrir novas oportunidades, além de ficar por dentro das informações sobre a área que almeja. Além disso, se você tiver uma boa experiência de voluntariado, o seu supervisor pode servir como referência quando você se candidatar para  uma vaga de emprego ou até mesmo te indicar para um ao ser requisitado.
  • Novas competências: o voluntariado vai te ajudar a desenvolver novas habilidades de trabalho, bem como aplicar as habilidades atuais de novas maneiras. Por exemplo, um profissional de meio de carreira que já trabalhou em promoções de shows poderia usar suas habilidades de marketing para ajudar a uma organização com a sua missão de angariação de fundos. Já um estudante universitário acostumado a fazer pesquisas para trabalhos da escola pode se oferecer para pesquisar um assunto ou um grupo demográfico para uma organização sem fins lucrativos.
  • Oportunidades de carreira: o voluntariado permite que você trabalhe em diferentes organizações, papeis, problemas e etc, sem precisar de um comprometimento formal. É claro, o voluntariado não é o mesmo que estar na equipe, mas pode expô-lo para o trabalho de uma organização de maneira mais profunda do que se tornar um membro, seguindo no Twitter, ou até mesmo realizar uma entrevista informal com um empregado.
  • Histórico de trabalho em uma causa específica: além das vantagens já mencionadas de ampliar seu networking e testar novas competências, tornar-se um voluntário em uma organização sem fins lucrativos pode ser a grande oportunidade que você sempre quis de trabalhar em determinada área. Assim, você ganha experiência que será valorizada futuramente.
  • Trabalhar por uma causa: um trabalho voluntário em seu currículo pode ajudar você a se destacar no mercado profissional.  Um estudo feito com organizações dos EUA revelou que quase 65% dos gerentes disseram considerar a experiência de voluntariado para ser pelo menos "um pouco importante" ao selecionar candidatos para uma vaga de emprego.
Se você achou esses bons motivos mas não sabe por onde começar, veja aqui os primeiros passos para quem quer se tornar um voluntário. 

(ECOD)