domingo, 22 de setembro de 2013

Facebook libera conversas públicas de usuários para sites de notícias

Fique esperto.
Recurso "emprestado" do Twitter tem foco em parcerias com grandes redes como CNN e Buzzfeed.

Em um movimento “pinçado” diretamente do Twitter, o Facebook está realizando parcerias com grandes redes de notícias para encontrar e exibir conversas em torno de palavras-chave. Se pessoas ou páginas com perfis públicos estiverem falando sobre eventos específicos, parceiros do Facebook como CNN, Slate, The Today Show, Buzzfeed, e BSkyB vão incorporar (embed) essas conversas em um Feed Público.
O vice-presidente do Facebook, Justin Osofsky, afirmou nesta segunda-feira, 9/9, que empresas de notícia podem mostrar conversas em tempo real no Facebook em suas coberturas de notícias. O Facebook também está oferecendo uma API para analisar o uso de palavras-chave – quantos posts mencionam uma palavra em um determinado horário, se é um termo mais popular entre homens ou mulheres, que parte do país está falando mais sobre isso, etc – para que as empresas de notícias possam incluir os números do Facebook em suas coberturas de eventos.
Os recursos não estão disponíveis para os usuários normais do Facebook, apenas para os parceiros de mídia citados acima e outras empresas de notícias e desenvolvedores de marketing que serão anunciadas nas próximas semanas.
Esse não é o primeiro recurso do Twitter que chega ao Facebook. Anteriormente, foi a vez de ferramentas como hashtags, tópicos mais comentados (trending topics), e posts incorporados migrarem do microblog para a maior rede social do mundo.
Há alguns indícios de que essas ferramentas do Twitter não estejam funcionando tão bem no Facebook, talvez porque as conversas no Facebook costumem ser mais privadas e pessoais do que as que acontecem no Twitter.
(IDGNOW)