segunda-feira, 3 de junho de 2013

Projeto prevê matar 2 mil cães de rua em Sochi para Jogos Olímpicos

O projeto de exterminar mais de 2.000 animais de rua em Sochi, cidade russa que sediará os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014, provoca uma grande polêmica na cidade às margens do Mar Negro, o que obrigou o recuo das autoridades.


O município de Sochi anunciou no fim de março uma licitação para selecionar uma empresa que ficaria responsável por “eliminar” mais de 2 mil cães e gatos de rua até o fim do ano. Mas a licitação recebeu muitas críticas.

No fim de semana passado, ativistas locais organizaram uma manifestação para exigir que os animais não sejam executados, e sim esterilizados ou levados para abrigos. Diante do escândalo, nenhuma empresa respondeu à licitação.

“O processo de licitação recebeu muitas críticas, mas não somos cruéis, estamos tentando resolver este problema”, declarou um porta-voz do município de Sochi à AFP.

Agora, as autoridades consideram construir um abrigo de animais, o primeiro da cidade, e pretendem abrir uma nova licitação, desta vez para esterilizar os animais. 

(Fonte: G1)