domingo, 23 de junho de 2013

Classic Start Menu devolve o menu Iniciar ao Windows 8 de graça

O Windows 8 não tem um Botão ou Menu Iniciar. Se você não acha que esse é um problema que tem que ser resolvido, faz parte de uma minoria.
Talvez com o tempo a moderna “Tela Iniciar” do Windows 8 acabe sendo aceita pelos usuários e a Microsoft prove que estava certa o tempo todo. Mas até que isso aconteça, existe um florescente mercado de utilitários que devolvem o botão e o menu Iniciar ao Windows 8, de opções excelentes como o Start8, da Stardock, até algumas que trazem recursos extras, como o Pokki. Mas você não precisa pagar para ter o Iniciar de volta: há uma ferramenta gratuita, Open Source e completamente personalizável que faz isso de graça. É a Classic Shell.
Ao contrário da maioria dos candidatos a menu Iniciar, a Classic Shell existe há um tempo. Sua primeira versão, 0.9, foi lançada em Novembro de 2009, pouco depois do Windows 7, e foi criada para corrigir alguns incômodos na interface do Windows Vista. Mais de três anos depois o Classic Shell cresceu, e agora consiste de três componentes separados: Classic Start MenuClassic Explorer e Classic IE9.
O Classic Shell não tenta inventar nada novo: nas palavras dos próprios membros do projeto, ele é “uma coleção de recursos que estavam disponíveis em versões mais antigas do Windows, mas que foram posteriormente removidos”. Ele devolve ao sistema comportamentos e recursos que funcionavam bem, mas que a Microsoft decidiu eliminar por motivos desconhecidos.
classicshell_estilos_360px.jpg
É possível escolher entre vários estilos para o menu Iniciar
O componente que merece o maior destaque é o Classic Start Menu. Pressione a tecla Windows em seu teclado e um menu Iniciar surge na tela, igualzinho ao que você tinha no Windows 7 (ou Vista, ou XP. É possível escolher a aparência). Basta começar a digitar para fazer uma busca por programas instalados, teclar Enter para abrí-los. A busca é incrivelmente rápida. Você pode prender itens ao menu Iniciar, e personalizar cada aspecto dele. Nunca usa o item Impressoras? É fácil se livrar dele. Em outras palavras, o Classic Menu é igualzinho ao Menu Iniciar que você já conhece, porém mais personalizável.
Classic IE9 e o Classic Explorer não são tão interessantes para mim, porque uso o Google Chrome como meu navegador e o Directory Opus como gerenciador de arquivos. Ainda assim, se você usa o IE9 ou 10, pode usar o Classic IE9 para modificar sua interface e incluir o título do site na barra de título da janela, ou mostrar a atual zona de segurança e o progresso de carga de um site na barra de status.
O Classic Explorer adiciona ao gerenciador de arquivos uma barra de ferramentas com atalhos para operações comuns (copiar, colar, voltar à pasta anterior, etc), mostra na barra de status o espaço livre em disco e o tamanho total dos arquivos selecionados, desabilita os “breadcrumbs” na barra de endereços e mais. Assim como o Classic Start Menu ele é bastante personalizável, então você pode ativar ou desativar apenas os recursos que quiser.
Antes de gastar dinheiro em um substituto do Menu Iniciar para o Windows 8, você precisa dar uma olhada no Classic Shell. É leve, faz o serviço sem reclamar e lhe dá o menu Iniciar com o qual você sempre sonhou, do jeitinho que você quer.

(PCWORLD)