quarta-feira, 6 de março de 2013

Peixe antigo com mandíbula circular não é parente do tubarão

Um peixe pré-histórico com a mandíbula inferior em formato circular, com dentes dispostos de maneira parecida com uma serra, não pertence ao grupo dos tubarões, dizem cientistas em um estudo publicado no periódico “Biology Letters”.

Descoberta há mais de um século, a espécie do gênero Helicoprion foi primeiro descrita em 1899, mas os fósseis identificados até agora eram incompletos ou foram pouco estudados.

Agora, os cientistas usaram tomografia computadorizada e raios-X para avaliar os restos bem-preservados de um espécime encontrado em Idaho, nos EUA.

A análise foi realizada por pesquisadores de instituições americanas, como a Universidade Estadual de Idaho, a Universidade de Rhode Island e a Universidade Millersville. Pelo fóssil, eles descobriram que o animal possuía 117 dentes, entre os encontrados na mandíbula superior e inferior.

O animal tinha cerca de quatro metros de comprimento – outras espécies do gênero Helicoprion chegavam a ter o dobro do tamanho, dizem os cientistas. Os dentes na mandíbula eram presos a um tecido cartilaginoso que se estendia em formato espiral para dentro da estrutura da boca, segundo o estudo.

O fóssil analisado pelos cientistas foi encontrado na década de 1950 no estado de Idaho, mas não havia passado por uma avaliação tão minuciosa até agora, afirmam os pesquisadores. A análise da mandíbula inferior do fóssil evidencial que o animal era mais próximo dos peixes da ordem Chimaeriforme.

(Fonte: G1)