domingo, 3 de abril de 2016

Hackers e as mentiras que eles contam não apenas no dia 1º de abril

Norton destaca as mentiras e armadilhas usadas por cibercriminosos para lesar os usuários e o que você precisa saber para se proteger.

O dia 1 º de abril, dia da mentira, já faz parte do imaginário cultural das pessoas e, apesar das brincadeiras despretensiosas nessa data, pegadinhas como estas ainda são usadas como chamariz por cibercriminosos todos os dias em suas ameaças virtuais. 
 
De acordo com o estudo da Norton, só no ano passado, 44 milhões de brasileiros foram vítimas de cibercrime. Um dos crimes virtuais mais populares que usa histórias fraudulentas para atrair suas vítimas é o phishing, técnica que visa roubar senhas de banco e outras informações pessoais da vítima. 
 
Os criminosos praticam este golpe por meio de mensagens de e-mail, SMS e até em sites de relacionamento. Essas mensagens são geralmente acompanhadas de um link que redireciona o usuário a outro site para que insira seus dados pessoais, como nome completo, número do cartão, CPF e senhas de banco. 
 
A Norton destaca as mentiras e armadilhas usadas para lesar os usuários: 
 
• Uso de identidades falsas ligadas à vítima; 
 
• Histórias comoventes solicitando doações ou benefícios financeiros; 
 
• Promoções tentadoras e e-mails de empresas falsificados; 
 
• Cobranças indevidas em nome de instituições financeiras e do governo; Para não cair em armadilhas virtuais como o phishing, a provedora de ferramentas de segurança recomenda as seguintes medidas: 
 
• Tenha prudência ao abrir links ou anexos de e-mails suspeitos; 
 
• Desconfie de promoções tentadoras demais e faça pesquisas em outros sites; 
 
• Nunca forneça informações pessoais em pop-ups, janela que abre no navegador ao visitar uma página web; 
 
• Instale soluções de segurança e o mantenha o sistema atualizado.

(FONTE: IDGNOW)