segunda-feira, 1 de julho de 2013

Fóssil achado na China é candidato a mais antigo ancestral das aves

A descoberta de um esqueleto intacto e bem preservado do que pode ser o mais antigo ancestral das aves, batizado de Aurornis xui e cuja idade está em torno de 160 milhões de anos, é relatada por pesquisadores belgas na revista “Nature”.


Os autores do estudo, liderados por Pascal Godefroit, do Instituto Real de Ciências Naturais da Bélgica, defendem no mesmo artigo uma reclassificação do Archaeopteryx, criatura pré-histórica de 150 milhões de anos descoberta no século 19 e por muito tempo vista como a mais antiga ave.

Recentemente, novos fósseis descobertos por cientistas chineses levaram a um questionamento dessa classificação. A ave primitiva foi, então, colocada entre os dinossauros com penas.

Agora, a nova pesquisa propõe retornar o Archaeopteryx ao grupo dos ancestrais das aves. O fóssil, descoberto na Alemanha, tinha asas e penas como as das aves, mas patas, dentes e cauda longa e ossuda como os de um dinossauro. 

(Fonte: Folha.com)